segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Lembrei-me...

António Aleixo,algarvio de gema!
Com um sentido de humor caracteristicos,foi rimando a vida toda.
Conhecem?
Às vezes gosto de o ler,da sua simplicidade...
Aí estão algumas quadras deste homem que não sabia ler nem escrever...
Nas palavras de alguém "...a provar que as palavras nascem connosco,não as precisamos de as escrever...".Ele pedia a outros para escreverem o que lhe ia na alma.



Quem prende a água que corre
É por si próprio enganado;
O ribeirinho não morre,
Vai correr por outro lado.

....******************....

Julgando um dever cumprir,
Sem descer no meu critério,
- Digo verdades a rir
Aos que me mentem a sério!

...*******************....

Que importa perder a vida
na luta contra a traição
se a razão mesmo vencida
não deixa de ser razão.

...*******************...

Queremos ver sempre à distância
o que não está descoberto,
Sem ligarmos importância
ao que está à vista e perto.

...********************...

Entre leigos ou letrados,
fala só de vez em quando,
que nós, às vezes, calados,
dizemos mais que falando.

...********************...

Uma mosca sem valor
poisa, c'o a mesma alegria,
na careca de um doutor
como em qualquer porcaria.

...********************...



e finalmente esta que sempre adorei:

de olhar fiquei repeso
em vez de ganhar perdi
quis prender-te;fiquei preso
E não sei se te prendi.

.

3 comentários:

Lita disse...

Esta ultima, como te disse, recorda-me noites de praia... :)
Fui poeta, fui soldado
estive fora da nação
vendo jogo, guardo gado
só me falta ser ladrão...

Beijo...

Kayla disse...

Lita

á desgarada LOOOOL:

"Sei que pareço ladrão
mas há muitos que conheço,
que não parecendo o que são,
são aquilo que pareço."

;)Eterna praia...

Lita disse...

LOOOL... essa faz-me mesmo lembrar alguém do passado...;)

O homem sonha acordado;
Sonhando a vida percorre…
E desse sonho dourado
Só acorda, quando morre!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Prendas

Ocorreu um erro neste dispositivo